© 2023 por NÔMADE NA ESTRADA. Orgulhosamente criado com Wix.com

Cuenca, a cidade mais bonita do Equador.

19.02.2017

Posso ser um pouco suspeito para falar, mas gosto muito de cidades coloniais e Cuenca com toda sua arquitetura me fez achar que é sera a melhor cidade equatoriana. Fundada no século XV e com uma população em torno de 340 mil pessoas, Cuenca é uma cidade especial, uma parte histórica preservada, muito bonita sendo cortada por um rio, assim fazendo um outro lado da cidade onde se vê prédios mais modernos. 

A estrutura da cidade é belíssima, ruas limpas, transito tranquilo, pessoas super educadas, ate aqui foi aonde eu encontrei as pessoas mais gentis, e o principal, aqui não se toca buzina hahaha para quem vem do Peru, sabe como é difícil conviver com as incessante buzinaços, assim me fez me apaixonar por essa cidade, ate me fez pensar em ficar mais um tempo por aqui trabalhando em hostel, mas claro que nem tudo pode ser perfeito, aqui faz muito frio, mas muito mesmo, se fizesse calor, seria a cidade perfeita.

 

- Como chegar

 

Para chegar em Cuenca, a diversas maneiras, tem gente que vem de Quito, outros de Guayaquil e como eu que vim de Máncora, de Guayaquil um ônibus  8 dólares e demora cerca de 4 horas, de Máncora custou 65 soles com 8 horas de duração mas que provavelmente poderá demorar um pouco mais por causa da fronteira. 

 

- Hospedagem

 

A diversas boa opções pela cidade, geralmente em torno de 08 a 10 dólares com café da manhã incluido, eu fiquei hospedado no Bauhouse Hostel e foi uma boa escolha, a 01 quadra so da praça central, me custou 08 dólares num quarto com 09 camas, no café da manhã tinha ovos, com dois pães de forma, manteiga, geleia, café e chá.

 

Aos amigos do blog que vão viajar e reservar sua hospedagem, peço para usarem minha caixa de pesquisa na página inicial do site, assim o Booking repassa uma parte da comissão para mim, ajudando eu a seguir com o trabalho aqui no blog, isso não gera nenhum custo adicional para você.

 

- Alimentação

 

Como o hostel tinha uma cozinha boa, eu acabei cozinhando durante a minha estadia, mas fui uma vez em restaurante, e encontrei pratos por 1,75 a 2 dólares em lugares mais simples, e de 3 a 10 dólares em lugares mais bacanas.

 

- Segurança

 

A segurança da cidade é muito boa aparentemente, infelizmente eu estava numa praça e esqueci meu celular em cima de um banco da praça, se passou 10 minutos eu voltei correndo para tentar encontra-lo  mas já tinha ido, ainda fiquei na esperança de alguém devolver mas acabei perdendo mesmo, mas sei que foi vacilo meu, fora isso a cidade é bem tranquila durante o dia, a noite as ruas ficam bem desertas então é melhor tomar um pouco de cuidado. 

 

- Câmbio

 

Assim escrevrei em todos posts no Equador hehehe aqui não tem câmbio, porque é tudo em dólar,mas não se assuste, os preços são bem baixos por aqui mas ainda pensei que poderia ter alguma casa de câmbio que poderia trocar euros por dólares para os europeus mas não vi nada aqui em Cuenca

 

- Passeios

 

Por ser uma cidade colonial é muito gostoso passear pelas ruas de Cuenca, uma cidade muito limpa, organizada, com bastante calçada para caminhar e um povo muito acolhedor. Um fato interessante é que todo cidade tem sua Plaza de Armas, mas aqui em Cuenca se chama parque Calderón, uma homenagem a um herói de guerra da independência equatoriana.

 

Centro Histórico: Além do Parque Calderón, tem a incrível catedral de Cuenca, uma das mais impressionantes que já vi nessa viagem, para quem quiser ter uma visão da cidade no topo da catedral é necessário pagar apenas 02 dólares, infelizmente como perdi meu celular, perdi as fotos que tirei da cidade lá de cima.

 

 A bela Catedral no centro de Cuenca.

 

Mirador Turi: Acerca de 60 minutos caminhando do centro da cidade esta o Mirador Turi, não é nada espetacular fora de série mas se tem uma bela visão do tamanho da cidade.

 

Visão da cidade de Cuenca. 

 

Museu Pumapungo: o Museu fica no fim da Calle Larga, famosa pelos bares e restaurantes, é um museu bem simples mas bonito e é de graça. 

 

 

 

Parque Nacional El Cajas: um parque muito bonito localizado acerca de 01 hora de ônibus de Cuenca, é o ponto alto da cidade, a beleza das montanhas e dos seus lagos fazem o turista se locomover ate la e o melhor a entrada no parque é gratuita.

 

Para ler o relato completo do Parque Nacional El Cajas, clique aqui. 

 

 

Então é isso galera, Equador a principio assusta por ser tudo em dólar, mas os preços são bem baixos, por exemplo um almoço pode sair de 2 a 5 dólares, um táxi por 1 dólar, 2 quilos de roupa lavada saiu por 5 dólares, é claro que é um país um pouco mais caro que Peru e Colômbia mas nada que assuste e faça com que você deixe de visitar esse belo país, além disso aqui tem muito ponto turístico que é simplesmente de graça. Essa foi minha primeira cidade do Equador e gostei muito, esse belo país promete reservar muita coisa boa. 

 

 

Follow me

Please reload

FAÇA SUA RESERVA AQUI
Posts Recentes
Please reload

INSTAGRAM
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now