© 2023 por NÔMADE NA ESTRADA. Orgulhosamente criado com Wix.com

Conhecendo o Parque Estadual Biribiri e a bela cidade de Diamantina/MG.

18.09.2017

 

Essa bela cidade mineira localizada ao norte do Estado foi uma das mais bonitas que conheci no Brasil ate agora, com apenas 40 mil habitantes e sede de uma Universidade Federal, ela mistura o lugar histórico com suas ruas de pedras e igrejas centenárias com uma diversão noturna pelos bares do centro da cidade.

 

Além disso, Diamantina é o ponto principal para quem quer conhecer a bela região e alguns parques, como o Parque Estadual Biribiri, que conta com alguns municípios, cachoeiras, mirantes e trilhas para se fazer dentro dele e tudo de GRAÇA.

 

- Hospedagem

 

Ficamos localizados no Camping São Pedro, que fica a 05 minutos de carro do centro da cidade, um camping muito bonito e barato, custando 20 reais por pessoa, o legal que chegamos lá pelas 10 da noite e estava chovendo, e o camping estava totalmente vazio, ai começamos a dar uma chorada com a proprietária para tentar ganhar um desconto e porque realmente estávamos muito cansados da viagem, já que saímos da Serra do Cipó, fizemos o passeio em Conceição do Mato Dentro e chegamos só a noite em Diamantina, depois de explicar tudo isso, a proprietária falou que tinha um quarto que poderíamos ficar pelo mesmo preço, que alegria em poder dormir em uma cama, não podemos reclamar da barraca, mas ela era bem pequena para dois marmanjos hahaha.

 

 

**** Aos amigos do blog que vão viajar e reservar sua hospedagem, peço para usarem minha caixa de pesquisa na página inicial do site, assim o Booking/Hoteis.com repassa uma parte da comissão para mim, ajudando eu a seguir com o trabalho aqui no blog, isso não gera nenhum custo adicional para você. Valeu =] ****

 

- Transporte

 

Infelizmente no Brasil o turismo não tem o investimento e a estrutura que merecem, geralmente se você não tiver um carro, você não conseguira chegar a lugar nenhum, só se estiver viajando de bike ou carona, pois se depender de transporte público dificilmente chegara aos lugares turísticos, ou então vai ter que depender de agências de viagem que vão cobrar o olho da cara e nem é em toda cidade que elas existem. O que posso recomendar é ter um carro, ou alugar um, pegar o mapa da cidade com os pontos de seu interesse e dirigir ate ele, aqui você já tem dicas dos principais pontos, jogue no google maps e vá.

 

 

 Vila do Biribiri.


- Alimentação

 

Nosso café da manhã e almoço sempre são lanches que preparamos, no centro da cidade tem vários mercados que da para comprar de tudo, em uma das noites saímos para comer na cidade, e tinha PF por 15 reais, nas outras noites preferimos cozinhar mesmo já que a cozinha do camping era muito boa e toda nossa.

 

 

- Segurança

 

Diamantina me pareceu ser tranquila, por ser um pouco maior é sempre bom tomar devidos cuidados, mas nas noites que fiquei saímos do centro da cidade de madrugada e nunca vimos nada de anormal.

 

 

- Passeios

 

Parque Estadual Biribiri: Esse é um dos pontos principais para se visitar na região, o parque é totalmente gratuito e bem sinalizado e conta com diversas atrações.

 

Vila do Biribiri: Fica a 12 km da entrada do parque, tudo em estrada de terra para deixar claro, lá você terá um pequeno vilarejo, muito bem preservado que conta com alguns moradores e restaurantes para você almoçar, o PF fica em torno de 20 reais, a cidade é pequena mesmo, em 25 minutos você vê tudo, o legal é buscar algum local para conversar sobre a historia do lugar, aquela cidade apareceu por causa de uma fabrica têxtil localizada lá, na verdade nem é tanto pela história, e sim para bater uma prosa com alguém mais velho e escutar toda a doçura do sotaque mineiro hehehe.

 

 

 

Cachoeira dos Cristais: Ela fica a 12 km da entrada do parque, a diferença é que a Vila fica pelo lado esquerdo da estrada e a cachoeira do lado direito no quilometro 11 da estrada, sinceramente, as cachoeiras não são nada demais, são bonitas, da para se refrescar em um belo dia de sol, e por ser de graça, esta valendo.

 

 

 

Cachoeira da Sentinela: Essa fica apenas a 07 km da portaria, mais uma cachoeira bonita, mas nada que vai arrancar seu fôlego, pessoalmente, achei essa mais bonita que a dos Cristais, tem um visual melhor.

Poço do Estudante: Como esse lugar ficava perto da estrada resolvemos dar uma olhada, mas sinceramente não vale a pena, um lugar muito pequeno e que parecia que não ia gente ali há anos, tanto que a pequena trilha é bem confusa.

 

 

 

Mirante da Cruz: É um mirante muito bonito que da visão a boa parte do parque, eu recomendo se programar para pegar o por do sol no lugar, realmente é muito bonito.

 

Esses foram os passeios que fizemos no parque, acho que deixei claro a percepção que eu tive das cachoeiras, mas tenho receio de estar sendo muito duro, pois como já tinha visto cachoeiras enormes em Capitólio, Serra do Cipó e Conceição do Mato Dentro, inconscientemente acabei as comparando e achando as do Biribiri não tão legais assim, mas eu recomendo muito a visita, pois fica perto da cidade, é de graça e é isso, se é de graça, não tem do que reclamar hahaha

Gruta do Salitre: A gruta do Salitre fica do outro lado da cidade, mais perto do camping onde estava, ela é totalmente de graça também, a um aviso na entrada que dizem que é necessário agendar a visita, mas pareceu coisa para você pagar um guia, coisa que não é necessário, a gruta é bem legal, tem que descer as pedras e vá fundo, não tenha medo, só leve uma lanterna, ela é essencial, e um teste que fizemos lá dentro foi desliga-las, e ficar na escuridão total, é bem tenso hahaha.

 

 

 

Parque Estadual do Rio Preto: NÃO VÁ, e não se assuste, o lugar parece ser fantástico, mas rodamos mais de uma hora ate lá para saber que o parque esta fechado hahaha. Ficamos bem tristes pela situação e pelo tempo perdido, porque foi um bom rolê para chegar lá e dar de cara com um funcionário proibindo nossa entrada, tudo isso porque estão em processo para contratar funcionários para o parque, e isso já levava 03 meses, então antes de se programar a ir, entre no site do parque ou ligue para eles para confirmarem certinho, nós devíamos ter feito isso, aprendemos a lição, ou não. Rs

 

Além disso, vale a pena perder algumas horas para conhecer o centro histórico da cidade, as igrejas e ver as pequenas casas coloniais, a noite frequente a região da Rua da Quitanda, ali tem vários barzinho e restaurantes na própria rua, fica um ambiente muito bonito.

 

 

 

 

É isso ae galera...

 

Espero que tenham gostado do relato e...

 

Follow me.

Please reload

FAÇA SUA RESERVA AQUI
Posts Recentes
Please reload

INSTAGRAM
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now