© 2023 por NÔMADE NA ESTRADA. Orgulhosamente criado com Wix.com

Visitando Alhambra em Granada - Espanha

13.09.2018

 

Granada é uma cidade de um pouco mais de 200 mil habitantes situada na região da Andaluzia, governada pelos muçulmanos no Séc X! e X!!! a XV e retomada pelos cristãos em 1492, assim é evidente que em cada canto aja a presença dessas duas culturas.

 

O maior atrativo da cidade é a visita a ALHAMBRA, que em árabe significa " A Vermelha", é um enorme complexo que servia também como fortaleza, e abrigava a Dinastia Nasrida, assim a arte islâmica é a joia do lugar, desde sua construção, as pinturas e toda a arquitetura do lugar. 

Além disso, dentro de Alhambra, você encontra o Palácio de Carlos V, erguido pelo Imperador de mesmo nome, mais uma demonstração das duas culturas preenchendo o mesmo espaço. 


 

 

 Alhambra



- Hospedagem

Fiquei hospedado no Granada Inn Backpackers, um hostel com ótimo custo beneficio, o melhor do lugar é o clima amistoso, na parte comum do hostel as pessoas sentam em uma mesa e dali saem grandes amizades, com certeza foi o melhor lugar que eu fiquei na viagem. 

 

A diária estava no valor de 15 euros com o café da manhã incluso, o hostel organiza confraternizações e ele fica muito próximo do centro da cidade, onde estão os principais pontos turísticos. 

**** Aos amigos do blog que vão viajar e reservar sua hospedagem, peço para usarem minha caixa de pesquisa na página inicial do site, assim o Booking repassa uma parte da comissão para mim, ajudando eu a seguir com o trabalho aqui no blog, isso não gera nenhum custo adicional para você. Valeu =] ****



- Transporte

Para quem esta acostumado a viajar pela America do Sul, ir para Europa é fácil demais, é tanta forma de chegar ao destino, que ate se fica perdido, para Granada você pode ir de várias maneiras, desde avião, ônibus, carro ou trem, eu acabei fazendo essa viagem de carro, desde a cidade do Porto até Sevilla, de Sevilla ate Córdoba e de Córdoba ate Granada.

Único problema encontrado foi para estacionar o carro na cidade, aqui na Europa, temos sempre poucas vagas gratuitas para muitos carros, então tive que deixar um pouco afastado do centro histórico e ir a pé ate o hostel, mas deixar o carro na rua não tem nenhum problema em questão de segurança, isso é um grande alivio. 

 

 

 Alhambra

 

 

- Alimentação

 

Na Espanha é normal você encontrar os famosos menus diários, como se fosse nosso prato feito, você escolhe o primeiro prato, depois o segundo, ganha a bebida e a sobremesa, tudo isso num valor entre 10-14 euros sempre na hora do almoço, óbvio que para quem gosta de frequentar restaurantes melhores o preço sobe um pouco. 

 

 


- Segurança 

Para quem viveu e foi criado em São Paulo, estar na Europa é estar em um local muito seguro, claro que alguns cuidados devem ser tomados, mas não tive nenhum tipo de problema em Córdoba, mesmo quando andava de madrugada pelas ruas. 

 

 Alhambra



 


- Passeios
 

Eu fiquei duas noites em Granada e como fui no verão e o Sol dura ate as 22 horas praticamente, você acaba tendo muitas horas para passear, então praticamente deixei um dia reservado para conhecer Alhambra e outro dia para visitar os mirantes e passear pelos bairros de Granada.

E não tem como não começar falando de:



 

 Alhambra





Alhambra

Como já falei inicialmente, Alhambra é uma fortaleza e um complexo que abrigava os governantes muçulmanos entre o século X a XV, e onde se encontra o Palácio que foi construído pelo Imperador Carlos V.

Alhambra é um dos monumentos mais visitados de toda a Espanha, por isso ocorre um limite de entradas por dia, a fim de preservar o espaço e fazer com que o turista se sinta a vontade de passear dentro das muralhas, para isso é necessário comprar o bilhete de forma antecipada (custa 14 euros e da acesso a todos os espaços), além disso é necessário marcar horário para visitar o interior dos Palácios. 

A dica que eu dou é chegar em Alhambra pelas 10 horas da manhã, não esquecer de levar água e alguns snacks para comer durante o dia, passear pelo lugar e deixar marcado a visita la pelas 13 horas, hora que o SOL estará em cima de você o tempo inteiro, assim nesse momento você estará dentro do palácio na sombra.

Dependendo do mês, é necessário comprar com boa antecedência, eu fui em Agosto, no verão e férias europeias e tive que comprar com 1 mês de antecedência para não sofrer o risco de acabar as entradas.

Para saber mais sobre a visita e comprar o ingresso, entre no site https://www.alhambradegranada.org/pt/info/bilhetesalhambra.asp

 

 Alhambra



 

Albacín e Mirantes

Num dia fiz todo o passeio a Alhambra, no outro deixei para conhecer o belo bairro de Albacín e os Mirantes que dão visão para Alhambra.

Não há segredo para visitar o Bairro de Albacín, somente necessário caminhar pelas ruas e sentir toda arte e cultura do local, apreciar a beleza das construções.

Há diversos miradores, como o Mirador de San Nicólas e o San Cristobal, que são os principais de Granada e precisam ser visitados.

Há também o Palácio de los Córdova, entrada gratuita e o Paseo de los tristes, fora outras praças e monumentos interessantes espalhados pela cidade, que são bonitos, mas nada de espetacular, o que vale a visita a Granada, realmente é por causa de Alhambra. 

 
 

 Albacín



 

 

Espero que tenham gostado do relato, para qualquer dúvida só mandar mensagem pelas minhas rede sociais, estou presente no Instagram no rafacarvalho33 e no Facebook no Follow The Portuga
 

 


Follow me

Please reload

FAÇA SUA RESERVA AQUI
Posts Recentes
Please reload

INSTAGRAM
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now