Saiba tudo sobre Huaraz, a cidade das montanhas.

Referência 1 Dolar = 3,27 Soles

Huaraz teve que esperar alguns dias depois que resolvi passar 3 dias em Lima, mas a cidade que prometia ser um dos pontos altos da viagem, cumpriu direitinho com o prometido, a cidade em si é bagunçada, não há muita beleza na rua, a igreja da Plaza de Armas esta em reforma por exemplo e a noite não tem iluminação na praça, o transito bagunçado e as buzinas sem parar me fizeram perguntar " o que eu vim fazer nesse lugar", mas com um exercício rápido, escrevi HUARAZ no google e clique em imagens, ai entendi o que eu vim conhecer por aqui, o maravilhoso Parque Nacional Huscarán.

Plaza de Armas com a igreja fechada para reformas.

O simpático estádio da cidade onde o Sport Rosário manda suas partidas, na minha passagem tive a sorte de poder acompanhar um jogo do time da casa contra o SAFAP ( resultado: Sport Rosário 3 x 0 SAFAP).

- Chegando em Huaraz

O jeito mais comum para se chegar a Huaraz é de ônibus, utilizei o serviço da Movil Tour, que saiu 55 soles com lanche e bebida a bordo, foi o único ônibus que consegui para o dia que eu precisava, a procura de ônibus aqui é muito grande, as vezes mesmo comprando com 01 dia de antecedência, é possível que o ônibus já esteja lotado. Foram 08 horas de viagem ate o terminal da Movil Tour, depois é necessário andar uns 15 minutos ate o centro da cidade ou pegar um táxi caso seja necessário.

- Hospedagem

Fiquei hospedado no Hostal Alkipo, paguei 24 soles a diária em um quarto com 05 camas e banheiro dentro do quarto com DUCHA QUENTE, um item muito importante, já que existem muitos hostels que prometem o banho quente e na hora do vamos ver é aquele chuveiro que cai 5 gotas, também existe uma cozinha compartilhada e uma grande área para a galera socializar.

Eu ainda irei fazer um post somente desse lugar, já que um amigo meu que veio aqui em Dezembro me recomendou e eu atestei, acho que devo passar adiante, porque além de ser hostel, eles fecham tours e além disso eles tem ajudam a fechar o roteiro ideal para você, mesmo que você não feche com eles, tem ate passeios que eles indicam que da para fazer de graça, então a confiança que eles tem passam, é tudo. Eu estava com um planejamento em mente e ao conversar com eles e escutar as indicações de cada passeio e o que era ideal para mim, me ajudou muito, pois estava desconsiderando muitos fatores, o principal deles era a aclimatação em lugares com muita altitude, só em Huaraz são 3 mil metros, mas em alguns passeios chega-se ate a 5050 metros, se você não estiver ambientando, pode sofrer mais do que o necessário, por isso que vou fazer um post sobre eles, acho importante mostrar a cagada que eu iria fazer e como eles me ajudaram bolando outra forma que pudesse fazer tudo sem sofrer tanto.

Aos amigos do blog que vão viajar e reservar seu hostel, peço para usarem minha caixa de pesquisa na página inicial do site, assim o Booking repassa uma parte da comissão para mim, ajudando eu a seguir com o trabalho aqui no blog, isso não gera nenhum custo adicional para você.

- Segurança

Huaraz é uma cidade muito simples e aparentemente pobre, mas isso não significa que seja perigosa, a cidade vive do turismo e sabe que precisa tratar bem o viajante, assim sendo não tive nenhum problema andando pela cidade, mesmo durante a noite.

-Alimentação

Ao lado do hostel que eu me hospedei, tem um restaurante muito legal que fornece almoço a 06 soles com bebida inclusa e uma sopa de entrada podendo comer pollo, truta ou algum prato com carne, a noite esses pratos a 06 soles saem do menu e a noite vendem frango com batatas fritas, com salada inclusa a 10 soles, os pratos por aqui são sempre bem servidos, um prato da para 02 pessoas tranquilamente, quem quiser algum restaurante mais bacana, próximo a Plaza de Armas exite uma pequena praça com restaurantes voltados mais ao turista com pratos a 25 soles em média, e um cardápio com pizzas, hambúrgueres e etc.

- Transporte

Por ser uma cidade pequena, se você se hospedar próximo a Plaza de Armas, você consegue fazer praticamente tudo a pé, mas caso precise, o que não falta por aqui é táxi, moto táxi e vans, mas em 07 dias aqui não tive motivos para usa-lo, da para fazer tudo a pé tranquilamente.

- Cambio

Na Plaza de Armas tem a igreja e ao lado tem uma loja de artesanato, um pouco mais para o lado você encontrara diversas lojas de cambio, muito simples e fácil de trocar dinheiro por aqui, na mesma esquina a algumas pessoas de colete azul, mas geralmente a cotação é a mesma.

- Passeios

Os passeios são o ponto chave dessa cidade, é onde você terá as melhores fotos da sua vida e portanto resolvi fazer um artigo sobre cada passeio, detalhando de forma objetiva cada um deles, infelizmente só consegui realizar 03 passeios, que são os mais tradicionais por aqui, mas a cidade pode te oferecer tranquilamente uns 20 dias inteiros de passeios hehehe Glacial Pastoruri: um dos passeios mais legais de Huaraz, você chega a 5.050 metros de altitude. coisa que não é fácil (para ler o relato completo clique aqui).

Chavín e Lagoa Querococha: Outro passeio padrão da região, Chavín é um sitio arqueológico com data de 1.500 A.C. e é sensacional descobrir um pouco da história dessa cultura milenar (para ler o relato completo clique aqui).

Laguna 69: O ponto alto de Huaraz, são 12 Km de trekking numa altitude que varia de 3.900 m ate 4.600 m, lá você terá as melhores fotos da sua vida, com certeza e nem precisa ter máquina boa para isso, as minhas foram feitas todas pelo celular hehehe (para ler o relato completo clique aqui).

Repetindo, como os passeios levam o dia inteiro achei melhor escrever cada um deles separadamente com dicas, valores e como o passeio se dá pelo dia.

Assim, irei distribuir minhas estrelinhas:

HUARAZ

Segurança

Hospitalidade

Beleza

Alimentação

Passeio/Lazer

Só para deixar claro, coloquei 02 estrelas em "BELEZA" pois levei em consideração a cidade de Huaraz, não levando em conta os tours e etc.

É isso ai galera, depois desse post farei os de cada passeio, detalhando o máximo possível que eu lembrar hehehe e um sobre o hostel em que eu fiquei pois a dica foi muito boa e quero reforça-la, depois de Huaraz, sera a vez de ir para Trujillos, voltando para o nível do mar. E não esqueçam de curtir a página do facebook: Follow the Portuga

Follow me

1/27

© 2023 por NÔMADE NA ESTRADA. Orgulhosamente criado com Wix.com

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now