© 2023 por NÔMADE NA ESTRADA. Orgulhosamente criado com Wix.com

Chapada Diamantina, conhecendo a região de Lençóis, com seus mirantes, grutas e cachoeiras.

21.09.2017

 

Chapada Diamantina era o nosso destino principal, foram quase 03 mil quilômetros de estrada passando por várias cidades mineiras ate chegar a Lençóis, nossa primeira parada por essa bela região.

 

No total foram 07 dias, 02 em Lençóis, 03 em Vale do Capão e 02 em Mucegê, e infelizmente ainda faltou muita coisa para conhecer, a quantidade de trilhas e cachoeiras da para ficar na Chapada por mais de um mês.

Então vamos ao relato:

 

- Hospedagem

 

Ficamos hospedado em um hostel na cidade de Lençóis, ficava a 05 minutos andando do centro da cidade, ele não tem site e nem esta no booking, o lugar era bem tranquilo, o dono argentino era bem simpático, apesar de não conhecer muito sobre a região, mas ele tem um livro guia muito bom que nos ajudou a programar nossos passeios.

 

**** Aos amigos do blog que vão viajar e reservar sua hospedagem, peço para usarem minha caixa de pesquisa na página inicial do site, assim o Booking/Hoteis.com repassa uma parte da comissão para mim, ajudando eu a seguir com o trabalho aqui no blog, isso não gera nenhum custo adicional para você. Valeu =] ****

 

- Transporte

 

Infelizmente no Brasil o turismo não tem o investimento e a estrutura que merecem, geralmente se você não tiver um carro, você não conseguira chegar a lugar nenhum, só se estiver viajando de bike ou carona, pois se depender de transporte público dificilmente chegara aos lugares turísticos, ou então vai ter que depender de agências de viagem que vão cobrar o olho da cara e nem é em toda cidade que elas existem. O que posso recomendar é ter um carro, ou alugar um, pegar o mapa da cidade com os pontos de seu interesse e dirigir ate ele, aqui você já tem dicas dos principais pontos, jogue no google maps e vá.

 

Em Lençóis, existem muitas empresas de turismo, isso facilita para quem não tem carro, ou que não queira alugar um por lá, a questão é que tem muito passeio que daria para fazer sem guia, nem nada, somente indo ao lugar, mas sem carro, sem chance, você terá que fechar passeio nas agências, não tenho nada contra elas, só que eles tem tudo planejado, caso você goste mais de algum lugar e queira ficar mais algum tempo, não será possível, você acabada perdendo um pouco da sua liberdade.


- Alimentação

 

No centro da cidade tem alguns mercados onde é possível comprar pão, frios, macarrão e etc, foi o que fizemos nesses 02 dias, mas para quem esta com um orçamento maior, o que não falta é restaurante bom no centro da cidade, principalmente a noite, lugares com comida francesa, italiana, é comum encontrar pelas ruas.

 

- Segurança

 

Lençóis por ser toda voltado ao turismo acaba se tornando muito segura. Não tivemos nenhum problema,  mesmo deixando o carro na rua durante 2 dias a noite, não aconteceu nada.

 

- Passeios

 

A cidade oferece um roteiro vasto de lugar para conhecer, com o tempo curto focamos em algumas para poder curtir cada lugar da melhor maneira possível.

 

 

 

Cachoeira do Mosquito: Por ficar em uma propriedade privada, a entrada custa 25 reais (15?), mas posso dizer que vale a pena, a trilha ate ela é tranquila com duração de 30 minutos, a cachoeira é incrível. A foto diz tudo. Rs  Como chegar?

 

 

 

 

 

 

Rio Mucugezinho e Poço do Diabo: A entrada é totalmente gratuita, mas como o acesso a ela é tão fácil, acaba ficando muito lotado e nem é tão bonito assim, comparando com outros lugares da própria Chapada, mas por ser de graça e fácil de chegar, acabamos parando por la. Como chegar?

 

 

 

 

Gruta Pratinha, Rio Pratinha e Gruta Azul:  Esse é um dos lugares mais bonitos da região, porém fica em propriedade privada e a entrada custa R$25,00 reais, e vale muito a pena,  a gruta Pratinha é muito bonita, das 10h ao 12h o sol bate na gruta e o azul fica lindo, você pode fazer flutuação ali, custa 40 reais, eu não fiz pois em Mucegê tem outra gruta que a flutuação já esta inclusa, ali também esta o Rio Pratinha, onde você pode fazer tirolesa (20 reais), ou simplesmente mergulhar no rio e relaxar com a linda natureza do lugar. A Gruta Azul ela fica mais escondida, com muitas arvores protegendo ela, assim os raios solares não entram como deveriam, mas mesmo assim o lugar é lindo. Verifiquem de acordo com o mês de visita o melhor horário para conhecer a Gruta, pois quando os raios solares entram, deixam a cor da água mais bonita.  

 

 

 

 

Morro do Pai Inácio: Esse com certeza tem que estar na sua lista de coisas para fazer na Chapada, além disso, você precisa deixar algumas boas horas guardadas para esse lindo lugar, recomendo chegar umas 4 da tarde e ficar ate a hora do pôr do sol, a entrada custa apenas 06 reais, tem 40 minutos de trilha só de subida ate o topo da montanha, aí é só curtir toda beleza do lugar. Como chegar?

 

 

 

 

Para chegar nos lugares o google maps ajuda muito, ate o Waze tem algumas rotas, mas nada que um mapa simples não resolva, e sempre terá indicações na estrada e em ultimo caso, só perguntar para um morador local, todos conhecem os pontos turísticos da região. 

 

 

Follow me.

Please reload

FAÇA SUA RESERVA AQUI
Posts Recentes
Please reload

INSTAGRAM
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now